domingo, 21 de fevereiro de 2016

As aventuras de Tarsila (Capítulo 3: uma semana difícil)

Olá galera!
Tudo bem com vocês?
No capítulo 2 nós vimos como foi a primeira semana da Tarsila na Stardoll Academy e na agência de Publicidade e Propaganda em que ela estagia. Tarsila conheceu pessoas muito legais, como sua colega de apartamento Katarina (Kat para os íntimos), seu amigo misterioso da Academia de Moda chamado Henrique e seu chefe charmoso do estágio, o  Rafael. Mas ela também deu de cara com umas meninas nem tão simpáticas, Celesty, Kendall e Tinne.
O que será que vai acontecer no capítulo 3?



Para acompanhar o terceiro capítulo das aventuras da Tarsila clique em Mais informações, por favor. ;)
 

 Oi pessoal! Estou sentido que essa semana será muito agitada, espero que de maneira positiva! Rsrs
Segunda-feira. 6:30 da manhã. Barulho do despertador.
Nossa! As horas voam, parece que o tempo na cidade grande corre bem mais rápido do que no interior, ai que saudade da minha mãe... Chega de preguiça, preciso levantar. Ainda com a vista embaçada pulei da cama, acordei a Kat (que parece pedra quando dorme) e fui tomar um banho. Depois disso, fui me arrumar, peguei a bolsa que o Pedro me deu e fiz um look básico e ao mesmo tempo sofisticado.



Dei uma conferida em frente ao espelho e Kat também foi se olhar. Ela disse:
- Humm... olha só, ela vai levar a Pedrita para a Stardoll Academy hoje! Hahaha
- Pedrita? (Eu perguntei)
- É! Eu coloquei esse nome na bolsa que o Pedro te deu de presente. (disse Kat)
Eu fiquei vermelha e nós duas começamos a rir como se fôssemos crianças. A Kat inventa cada coisa! :P

7:05. Chegamos na Academia de Moda.
Assim que entramos, a primeira pessoa que eu vi foi a Celesty, acompanhada de suas amiguinhas. Ninguém merece começar o dia assim... É claro que ela não perdeu a oportunidade de tentar me irritar:
- OMG! Você deveria ser impedida de sair de casa com esse seu estilo brega. Por favor, me diga onde você comprou essa bolsa, porque eu não quero nem passar perto dessa loja! Hahaha
Elas mais uma vez me ridicularizaram na frente de todos, mas eu não dei importância porque apesar da minha bolsa ser simples, foi-me dada com muito carinho.
- Não se preocupe, eu realmente não frequento as mesmas lojas que você, sua piriguete. (Eu falei e sai em seguida, para evitar que ela derrubasse o meu material mais uma vez)
Celesty foi importunar outras calouras enquanto Kat e eu seguíamos para a sala de aula.
- Acho que você não deveria se meter com a Celesty, tenho medo que ela faça algo ruim à nós duas. (disse Kat, com ar de preocupação)
- Ruim foi ela ter nascido. Não sei ficar calada diante de quem me trata mal, aprendi com a minha mãe a não levar desaforo para casa. E se ela fizer alguma coisa contra nós duas, nós a denunciamos.

A primeira aula foi da Tia Callie. Ela é muito simpática e já a considero minha professora favorita. <3 Celesty e suas amigas entraram na classe atrasadas, pois ao invés de tentarem ser pontuais, deviam estar muito ocupadas no pátio fazendo o que elas mais gostam. O trabalho proposto foi que criássemos um croqui de nossa preferência, para que a Tia Callie pudesse conhecer nossos estilos e pontos de vista sobre a moda. A teacher deixou o horário livre para que ficássemos a vontade e saiu da sala. O croqui mais bonito iria ganhar aqueles pontinhos valiosos. 
Eu desenhei um vestido longo e esvoaçante, com amarrações nas costas e bem simples na parte frontal. Caprichei nos detalhes e nas cores, um tom de verde esmeralda. Quando terminei, mostrei o croqui para a Kat, mas a Celesty conseguiu espiar e fez uma cara de surpresa. Acho que ela não imaginava que eu já soubesse criar esse tipo de desenho.
É óbvio que a invejosa da Celesty aprontou uma comigo. Rapidamente, ela foi até a lanchonete e comprou suco de uva diet, em seguida pediu que a Tinne me distraísse com uma conversa boba sobre a Academia, enquanto ela derramava o suco sob o meu croqui.
Quando me virei, Celesty estava no fundo da sala rindo alto, parecia que tinha ganhado uma bolada na loteria, mas não, ela tinha estragado o meu trabalho e fingiu que nada aconteceu.
Eu fiquei furiosa, mas como sou bolsista, não podia causar uma confusão e correr o risco de perder a bolsa. Entretanto, eu precisava fazer alguma coisa, então fui até ela e disse:
- Poxa, Celesty! Como você teve coragem de estragar o meu croqui, eu trabalhei duro nisso, sabia? Sabe do que eu estou super a fim? É de dar na sua cara, sua patricinha mimada. Pena que eu não posso fazer isso.
Nesse momento a professora entrou na sala para recolher os trabalhos. Celesty aproveitou que a Tia Callie não sabia o que estava acontecendo e fingiu ser inocente:
- O que é isso? Como você pode me acusar de uma coisa horrível assim? É claro que eu não fiz nada. Tenho certeza que você vai encontrar o verdadeiro culpado, princesa.
Ela fez uma cara angelical que me deu nojo, eu não consegui conter a raiva e:
- Olha aqui sua...
Pulei em cima dela e comecei a puxar seu cabelo. A professora tentou nos separar e nós duas fomos levadas para a reitoria. Como eu sou bolsista, minha situação ficou bastante complicada. A Celesty conseguiu convencer à Lisa de que ela era inocente, e eu não tinha provas para acusá-la formalmente. Eu tive que implorar por uma segunda chance e assinei um termo de compromisso de bom comportamento. Ao sairmos da sala, Celesty ainda deu um sorriso sarcástico de canto da boca. Mas eu estava triste demais para retrucar.

13:30. Hora de ir ao estágio.
Minha manhã havia sido péssima e eu ainda estava muito abalada com tudo o que aconteceu. Acho que eu devo aprender a controlar os meus impulsos e pensar na melhor forma de me defender sem me prejudicar. Já entendi que brigar não leva a nada.
Imagina se todo o esforço da minha família para me ajudar a me manter na Academia de Moda fosse em vão? Melhor mesmo é eu evitar encontrar a Celesty daqui em diante.
Encontrei o Pedro e conversamos sobre o que aconteceu, ele foi muito atencioso e me deu uns conselhos. Depois ajudei o Rafael com a produção de um comercial de refrigerante de uva. Ninguém merece!

5:00 da manhã. Eu não consegui dormir e fui desenhar. Acho que meus croquis ficaram até legais. Guardei todos na gaveta do armário.
Durante a semana, Kat e eu nos esquivamos ao máximo que podíamos da Celesty, mas meu ânimo continuava mal.
Na quarta-feira a Kat ganhou dois ingressos da inauguração de um restaurante num sorteio da rádio. Como ela é bem anti-social e tímida, pediu que eu ficasse com os ingressos e chamasse alguém para me acompanhar. Mas quem?
Eu pensei em convidar o Pedro, mas ele tem namorada e não ficaria bem. Então decidi chamar o Rafael, apesar dele ser bem conquistador, achei que seria uma companhia nada monótona. Ele ficou muito feliz e topou na hora.

18:00. Sábado.
Chegou o dia da inauguração do restaurante. Rafael combinou que me pegaria no meu prédio para irmos juntos. O porteiro avisou que ele estava lá na recepção. Eu estava tão nervosa, meu primeiro "encontro" com um rapaz da cidade. Eu preferi usar roupas de cor preto, uma calça, uma blusa e sandálias alta. Maluquinho como ele é, Rafael estava com um look bem básico e de tênis.

 

- Você vai assim para a inauguração de um restaurante? (eu perguntei)
- Acho que sim. Eu vou comer, e não desfilar, sua bobinha! (ele riu)
- Você está certo, desculpa. (fiquei tão envergonhada)
- Relaxa. A propósito, você está linda, apesar de já ser naturalmente incrível. (ele disse, com uma voz suave)
Nesse momento eu não sabia o que fazer, fiquei tão tímida que só consegui dar um sorrisinho e dizer um obrigada tão baixo que nem sei se ele escutou.
- Vamos? (ele segurou minha mão e me levou até o carro)

No caminho Rafael colocou uma música da banda Capital Inicial para animar um pouco e começou a cantar enlouquecido. Eu fiquei surpresa com aquele jeito descontraído dele e comecei a cantar também. Nós dois nos divertimos muito naquele carro amarelo com cheiro de jujubas. Notei que tinham algumas no porta-luvas, acho que ele é viciado em doces.
Chegamos no restaurante e fomos guiados para a mesa reservada. Lá era bem diferente do que eu imaginei. Não era como nos filmes, em que as pessoas bebem champanhe e escutam piano. Tinha um pequeno palco e música ao vivo, as pessoas sorriam, cantavam, comiam. Nós pedimos o prato especial da inauguração e conversamos sobre a minha vida na minha cidade natal. Rafael, ao contrário, quase não falou sobre sua família.
Entre um olhar e outro, eu vi o Pedro com uma garota muito bonita. Acho que era a namorada dele. Rafael chamou por ele.
- Que coincidência nós todos aqui! (disse o Rafael)
- Pois é, acho que esse é o restaurante mais frequentado da noite. Eu não sabia que vocês estavam juntos Tarsila. (disse o Pedro)
- Não estamos. Essa deve ser sua namorada, não? (eu demonstrei frieza)
- Sim, muito prazer! Letícia, e você é a famosa Tarsila. O Pedro só fala de você, deve ser difícil ser uma garota pobre do interior precisando de ajuda numa cidade grande, meu amor faz questão de ajudar pessoas como você. (Letícia me cumprimentou e fez um olhar ameaçador e ao mesmo tempo sorriu tentando parecer simpática)
Eu fiquei muito sem graça com tanta humilhação.
- Leti, o que é isso? A Tarsila não é uma pobre garota, e eu só dei uma mãozinha. (Pedro ficou irritado)
- Mas... (ela tentou se explicar)
- Bem, nós já estamos de saída, já está tarde. (Rafael percebeu aquele clima estranho e se levantou da mesa, em seguida me ajudou com minha cadeira e nos despedimos do Pedro e da Letícia. 
Fomos embora. No caminho para o meu prédio, não dissemos nada um ao outro. Eu só sentia vontade de chorar, não imaginava que a namorada do Pedro fosse me tratar com tanta indiferença. Por um momento pensei em desistir de tudo e voltar para minha casa, eu precisava do colo da minha mãe.
1:35. Chegamos no prédio.
- Obrigado pelo convite, agora preciso retribuir. (Rafael puxou assunto)
- É... nós combinamos alguma coisa outro dia então. Obrigada pela companhia. (eu disse)
Saí do carro sem ao menos dar um aperto de mão no Rafael e subi depressa.
Ele não merecia que eu o tratasse assim, mas eu queria muito chorar no banheiro e foi isso que eu fiz.

15:10. Domingo.
- Tarsila, tem alguém lá embaixo querendo te ver. (disse Kat)
Eu não estava a fim de ver ninguém, ainda estava de pijama e na cama. Só havia levantado da cama para comer alguma coisa horas antes.
- Eu não quero receber ninguém. (gritei)
- Tarde demais, já está subindo. (Kat avisou)
Será que era o Pedro? Talvez ele viesse me pedir desculpa, dizer que tinha terminado o namoro com a Letícia e de declarar para mim. Troquei de roupa o mais rápido que eu pude, escovei os dentes e arrumei um pouco o cabelo.
Kat já havia me chamado umas cinco vezes, mas eu pedi para que ela e a visita aguardassem.
Segui para a sala.
- Desculpa eu vir sem avisar, mas eu tinha uma coisa pra te falar.
Não era o Pedro, era o Rafael.
- Ah, tudo bem, você já é de casa. (que decepção)
Rafael foi até a porta e saiu por um segundo. Voltou com uma caixa grande que parecia um pouco pesada.
- É pra você! (estendeu a caixa na minha direção)
Eu não esperava por um presente e fiquei muito curiosa.
- Sério? Obrigada, eu nem sei o que dizer...
Peguei a caixa e coloquei no sofá, abri e estava lá, uma cachorrinha linda de morrer. Kat se animou e foi logo fazendo carinho no filhote. Eu nem consegui conter minha alegria, era tão fofa, tão linda.

 

- Gostou? (Rafael sorriu)
- Se eu gostei? Eu amei! É incrível, eu sempre quis ter um cachorro.
- É uma cachorra! (disse Rafael)
Nós todos começamos a rir e depois eu preparei um lanche. Rafael me deu alguns brinquedos, objetos e ração para a cachorrinha.
- Agora precisamos de um nome. (disse Kat)
- Humm... eu vou pensar e depois a batizamos. (eu falei)
O resto do dia foi maravilhoso.
Quando o Rafael foi embora, Kat e eu conversamos sobre tudo o que aconteceu:
- Sua vida amorosa está bem agitada heim amiga. Agora eu shippo #Tarsiel. (Kat e suas ideias)
Eu adorei a visita do Rafael e o presente, não sabia que ele era tão legal e sensível. 
No fim das contas minha semana não foi tão ruim assim, estou aprendendo a ver o lado bom das coisas e das pessoas. 

Não sei ainda como será reencontrar o Pedro, e também não sei o que sinto pelo Rafael. Estou muito confusa. Espero que semana que vem a Celesty se mantenha longe de mim e eu consiga mostrar que posso ser uma grande estilista. 
Até mais!
TSH (Tarsila da Silva Honório)

------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------------

 Agora é com vocês.
A Thatyane soltou a criatividade e escreveu uma maravilhosa continuação da história da Tarsila. Parabéns, amiga! Vamos fazer parceria? Rsrs


Comentem como vai ser a terceira semana da Tarsila na Stardoll Academy e na agência de publicidade e propaganda com os seguinte quesitos:
- As aulas na Academia de Moda;
- O reencontro da Tarsila e do Pedro, ou também com a Letícia;
- Celesty apronta mais uma vez;
- Rafael faz mais uma surpresa para Tarsila.

Não esqueçam de colocar o nome de suas dollies.
Comentários válidos até 21/02 (sábado).
 Espero que gostem do capítulo 3 e participem. :D

Quem quiser visitar a Tarsila no Stardoll clique aqui. Ajudem-na a escolher o nome da cachorrinha que ela ganhou do Rafael, dando sua sugestão no clube dela clicando aqui

 Beijos!

´

12 comentários:

Adriano Lopes disse...

Nossa , Tarsila etá com uma vida agitada em ? Kks
Mas com tudo de chato ( ruim ) , que está acontecendo , acho que algum
professor da Academy , deveria ver os seus croquis ♥ E quem sabe até premia-lá ^^ - Adrianolopes6

Emily Lovato disse...

Nossa!hoje eu me acordei ás 6:00 para me arrumar.Bom eu fui com uma blusa branca e uma saia,e claro,como a Kat chama,a pedrita :D.Bom,eu me maquiei,e com de costume a Celesty voltou a me irritar.
-O,oo vc ai,Tarsila.
-Que que vc quer?
-Você como sempre,quebrando minhas regras né?
Bom,eu estava com um café da starbucks na mão,e,adivinha?sim,ela me virou o café e molhou meu material.Aff!
Ainda bem que eu trouxe minha bolsa grande,que tinha um vestido,uma toalha e um pente,e o resto do material.Expliquei para Lisa eela me deixou usar o banheiro dos Professores.Tomei um banho e me vesti,limpei os sapatos e fui para aula.Quando sai ,Rafa me deu um bilhete,me convidando para ir á uma pizzaria.eu aceitei.
Lá ela tava meio que suando frio.
Comemos e ele me deu uma rosa.
Bom,ele me pediu em namoro,mas ainda não sei se aceito,falei que ia pensar.
No dia seguinte,eu vi Pedro com Letícia,de mãos dadas.Eu os cumprimentei e quando passei deles,ela olhou pra mim com cara de quem diz ''ele é só meu''.Rolou uns boatos de que ela é do grupo da Celesty.
(Continua)
doll:Ot0me-.

Emilia Santana disse...

nossa amei ficou super legal
o rafa até que é bonitinho agora vc poderia mostrar o pedro:)
so uma perguntinha tem vagas para postadoras?
se tiver estou interessada
bjs nay

thatyane mirelle disse...

Amiga, se você quiser podemos sim kkk obrigada por gostar da minha ideia :D

Helenna M. N. disse...

Gente, oque são Croquis? São aqueles desenhos das roupas que as designers fazem? ;-; Entendo tudinho de moda.... #sqn kkkkkkkk
~(BellaMalevolla)

scarllet sousa disse...

acordei bem cedo eu estava bem disposta,Fui me arrumar lembrei que a Kat havia me dado um saia Linda que ela tinha comprado e não gostou,fiz um Look com ela, passei uma make básica e fui.
​ Quando cheguei dei de cara com a Celesty ,foi quando reparei que elas estava usando uma saia igual a que eu estava usando, não demorou muito para ela começar a falar...
-Olha parece que a caipira arrumou uma roupa decente,não aguentava mas ver aquelas coisas que vc chamava de roupas.
Meu dia estava ótimo eu não iria deixar a Celesty estragar ele então simplesmente respondi..
-Olha Celesty pq vc não vai cuidar da tua vida da suas roupas,se vc está reclamando das minhas roupas é pq esta incomodada, então querida vc pode simplesmente me ignorar assim como eu vou fazer com vc daqui para frente.
Eu me virei ei continuei andando.
​Eu estava tentando evitar a Celesty ela não merece minha atenção, fora isso meu dia estava sendo ótimo.acabou as aulas i eu fui para o estagio,Chegando lá vi o Pedro ele simplesmente me ignorou eu fiquei um pouco chateada, mais logo o Rafael veio conversar comigo e me convidou para ir tomar um sorvete eu aceitei.
​ Depois do estagio fui tomar o sorvete com o Rafa,o dia estava bem bonito sentamos no banco da praça,por alguns minuto ficamos sem assunto ele apenas ficava me olhando e não dizia nada e ele começou a se aproximar mais e mais querendo me beijar ,foi quando eu me afastei ele não disse nada,foi ficando tarde i ele foi me deixar na porta do meu apartamento e me disse:
-Olha Tarsila eu to gostando de vc, eu nunca gostei tanto de uma garota como gosto de vc e assim..érr quer namorar comigo?
Fiquei sem reação eu disse que iria pensar,e dei um abraço nele e me despedi.
​ Bom os dias estava se passando e a Celesty não estava mexendo mais comigo, tudo estava ótimo o Rafael,ele estava sendo um fofo nesses dias me tratando como se eu fosse uma princesa kk.
Bom era sexta feira eu fui com a Kat em um restaurante ótimo,chegando lá vi o Pedro e a namoradinha dele,ela ficava olhando torto para mim mas eu nem liguei,depois de algum tempo eles começaram a ter uma discussão bem ali no meio do restaurante a briga estava feia,foi quando a nojenta da leticia foi embora,o Pedro ficou ali sozinho arrasado,por algum momento eu pensei em ir lá e falar com ele, mais ultimamente ele não estava sendo nada legal comigo ele me ignorava nem falava comigo direito então não fui. depois de algum tempo ele pagou a conta e foi embora,eu i a Kat comemos uma comida deliciosa eu amei, depois fomos embora para o apartamento foi uma semana longa eu precisava descançar .
Lindinha49sta kk ficou um pouco comprido kk #Tarciel

scarllet sousa disse...

doll:Lindinha49sta kkk

Nay Nascimento disse...

Essa é uma boa ideia Adriano ;) Vamos ver se vai entrar no próximo capítulo ♥
Que bom que gostou Emilia, eu estou mostrando os personagens aos poucos, porque tenho pouco tempo disponível, mas não se preocupe, o Pedro dar o ar da graça por aqui! Rsrs ♥ E sobre as vagas para postadores, você tem que entrar em contato com a Kim para conversar com ela, doll: KimBlond
Boa sorte! ♥
Você arrasa Thaty! ♥♥
Helenna, preparei uma matéria especial sobre croquis que vai esclarecer as suas dúvidas. Espero que goste! ♥
Estou adorando as sugestões, minha gente!!! :D

thatyane mirelle disse...

Scarlet deu as caras aqui \o sua história ficou perfeita amiga , espero que você possa ser escolhida ♥

scarllet sousa disse...

kkk ai amiga não podia deixar de participar kk e que bom que vc gostou ♥ ♥

Stardoll PinkVivianny disse...

A princípio, confesso q era contra o romance da Tarsi com o Rafael, devido ao fato de serem colegas de trabalho, o q revelaria falta de profissionalismo por parte de ambos. Mas depois de ver o quanto ele é fofo, até eu quero um boy desse no meu job! Kkkkk (q Vinícius não leia essas palavras! XD ~ brincadeira, gente). Mas eu amei a surpresa da cachorrinha e imagino papos legais no restaurante, troca de olhares, algo bem natural. Agora eu #SouMaisTarciel <3

Stardoll PinkVivianny disse...

E Nay, a Tarsi não vai usar o look q eu fiz? :(