terça-feira, 21 de março de 2017

Heartless - Episódio 03

Olá pessoal

Até que enfim a série está andando!
E hoje temos mais um ep. prontinho com muita aventura, então boa leitura ♥


Episódio 03 - Sumiço

Passei o trabalho pra Mabel e depois  voltei pro quarto e por milagre divino a Emy já estava dormindo (Amém), e pra quem estava com raiva, foi até fácil pegar no sono. Eu estava exausta então fui pra cama também, só deitei e capotei.
Do nada acordo de madrugada, parecia ter ouvido um grito. Olho pro lado e não vejo a Emy, será que foi ela? É melhor eu ir atrás da Mabel pra ela vim ver isso comigo.
Espera ela também não está no quarto.
Sai correndo pela casa, e quando chego na sala, a porta estava aberta, boa coisa não era.
Saí, quando dei de cara com Emy e Ian se agarrando.
- Ã?
- O que você está fazendo aqui sua vaca?
- Eu ouvi um grito dai, espera você não namora?
- Não é da sua conta, e é melhor você calar essa sua boca por que se eu descobrir que você disse isso à alguém eu te tiro a força dessa casa...

Não deu tempo nem de ela acabar de falar, achei melhor sair dali e fui rumo a cozinha, já que estava uma luz acesa. E adivinha quem estava lá? Mabel:
- Você ouviu também?
- O que?
- Um grito ué.
- Não, deve ser coisa da sua cabeça.
- Isso pode ser, o que não é, é a traição da Emy.
- O que?
- Vi ela beijando o Ian lá no quintal.
- Espera, o Ian não é um dos nossos professores?
- Acho que sim, mas é melhor não falar a ninguém por que a Emy quase me mata quando vi,
 mas o que você está fazendo à essa hora acordada?
- Estava morrendo de sede, e vim beber água.
- Ata, então boa noite, vou tentar dormir antes que a Emy chegue no quarto e me mate com o travesseiro, acho melhor não ter que ver a cena.

Kappa – 7:00 AM
Me arrumei e desci para o café, e em vez de ver vários rostos com olheiras enormes vi todos com um olhar espantado indo de um lado à outro:
- O que está acontecendo gente?
- A Sasha sumiu! ( Dina )
- Então o grito que ouvi ontem a noite foi dela?
- Eu não ouvi nada, dormi feito um anjo. ( Emy )
Como ela pode ser sínica assim? Acho melhor nem falar nada.
- Aí está você reitora, já fez algo pra procurarem ela?
Aposto que ela passou a noite com alguém lá pelo campus... ( Emy )
- Tudo já foi vasculhado e nada dela. Aparentemente não foi isso o que aconteceu Emy, engraçado pensava que fossem amigas.
- E somos, mas ela não tem vergonha alguma na cara.
- De qualquer forma, vocês tem aula, vão agora para o campus e deixem que a polícia cuide disso.
Que frieza, uma garota sumiu no meio da noite, e elas conversando como se nada tivesse acontecido. É até estranho tudo isso: picharam o campus, destruíram o quarto da Emy, Sasha sumiu.
Será que alguém está tentando acabar com a Kappa?

Campus – 10:00 AM
- Você olha para o Jake, como se ele fosse um hambúrguer com molho cheddar,
e ao mesmo tempo parece estar com pena dele. ( Mabel )
- Ã?
- Está vendo, nem presta atenção no que eu falo.
- Desculpa, é que estava pensando como a Emy pode trair ele.
- É eu sei, ele é um gatinho.
- É, mas o fato é que ele é um cara muito legal, não merece esse tipo de coisa.
- E você vai contar pra ele?
- Não, ele não acreditaria sem provas e além do mais a Emy me mataria.
( celular vibra )
- E falando no diabo, olha quem aparece.
- É mensagem da Emy? (Mabel)
- Hum rum.
- O que será que ela pretende fazer?
- Coisa boa não é.

Kappa – 8:00 PM
Eu estava super nervosa, do jeito que a Emy era, ninguém sabia o que ela aprontaria.
 Será que ela me envergonharia na frente de todos por ter visto a traição dela? Era bem provável.
-  Fica calma Margo. ( Mabel )
- Eu não estou nervosa.
- Você não tem esse dom de mentir.
- Alguma notícia da Sasha? (Paige)
- Nenhuma, é estranho a Reitora e a Emy não estarem nem um pouco preocupadas. (Margo)
- Ela parecia ser a menos chata delas. ( Cloe )
- Como se isso pudesse ser possível. (Mabel )
Tadinha da Cloe, ela era super amorzinho mas ninguém à respondia direito.
E para interromper nossa conversa chega Emy forçando a garganta:
Runun. Como sabem, a nossa co-presidente e aspirante a vaca: Sasha, sumiu.
Provavelmente para a casa de algum dos seus biscastes.
Bem, a casa precisa de mais alguém para tomar as rédeas de tudo, então a Kappa está escolhendo hoje uma nova co-presidente, e quem ficará no lugar da Sasha é você: Margo!
- Ã?

Tudo bem que eu vi ela traindo seu namorado, mas é sério isso?
Não podia só me ameaçar e mandar eu calar a boca. Tudo bem que posso investigar melhor agora, mas mesmo assim, eu não gosto nem um pouco dela, como vou ter que aturar ela ainda mais perto?
- Então a partir de agora vocês devem respeito à ela. E as regras aplicadas a mim também serão à ela.
Todas olharam pra mim com uma cara meio enojada e espera, eu que fazia isso com a Emy.
 É parece que o jogo virou não é mesmo?
Depois do jantar Emy me chamou para uma “simples conversa”:
- Acho que você não é tapada o suficiente para entender o por que eu fiz isso. (Emy)
- Claro que não, mas eu não ia contar além do mais não te subornei.
- Não, mas ia. Sei bem como vocês sem popularidade são,
esperam o momento certo para dar o bote e se tornar uma de nós.
- Eu não ligo pra isso.
- Liga sim, e acho bom tudo isso se manter em segredo, agora pode ir.
AaAaaaAaaA. Eu não suporto essa garota. Como ela acha que sabe sobre mim? Eu não sou uma dessas mandadas dela em que ela acha que sabe tudo sobre.
É melhor eu ir pro quarto tomar um banho pra esfriar a cabeça e depois posso dor...
- Parece que tudo está dando certo...
Espera, é a Paige? O que está “dando certo”?:
- Não, ninguém desconfia de nada. São tão bobinhas.
Será que ela tem haver com tudo que está acontecendo por aqui?
Ela parecia bem ignorante, sem querer dar muitas informações.
- É melhor eu desligar, te ligo outra hora.
É melhor eu sair daqui antes que ela me veja.

Quarto – 10:30 PM
Não me aguentei e tive de dizer tudo à Mabel, ela era minha amiga e iria acreditar em mim:
- Acha que a Paige tem haver com tudo isso?
- Depois do que me falou desconfio,
 mas não podemos afirmar até por que não vimos ela fazendo nada.
- A onde ela estava durante os acontecimentos?
- Acho que aqui na Kappa mesmo.
- Mas se ela estava no celular ela deve ter um comparsa.
- É melhor você esquecer isso, ela não tem nem motivos para fazer isso tudo.
Além do mais pode ser tudo coincidência.
- Você tem razão.
Não ela não tinha razão. Acho bem difícil isso tudo ser apenas uma mera coincidência.
Estávamos nos preparando pra dormir quando comecei a ouvir Emy discutindo com alguém.
De inicio achei que fosse ela surtando por uma frescura, mas estava bastante demorado...
- Está ouvindo isso?
- Sim ela não cala a boca. ( Mabel)
- Acho melhor alguém ir lá olhar o que está acontecendo.
- Espera deixa eu vou.
Depois de alguns minutos a Mabel chegou no quarto com uma cara meio estranha:
- O que foi? Com quem era a briga?
- Com o Jake.
- O que? Mas, por que?
- Parece que ela descobriu que você e ele estavam com uma amizade um tanto intima.
- Espera, você sabe que a gente era só amigo.
- Mas ela parece que não. Olha acho melhor você ficar aqui, parece que ele já foi embora.
- E se ela aparecer aqui durante a noite pra “resolver a história” ?
- Calma, se for pra isso acontecer vai ser amanhã de manhã.
- Nossa obrigado me acalmou muito.
- Toma essa água  e tenta dormir.




E aí, gostaram?
Deixa aí nos comentários a sua opinião, o que devia mudar, teorias e ect!
E se ainda não leu nada da série, segue a playlist:


Beijos e até ♥

3 comentários:

Beatriz Neto disse...

Mds!A Margo só vai viver durante umas horas, que pena dela...
E a Emy, se oferecendo para o professor para ter melhores notas, não é?Se não for, não tem muita lógica trair o Jake com o Ian.
A cada episódio que passa a Margo envolve-se em mais confusão.

Sabrina disse...

Nossa adorei minha personagem sendo malvada hahaha será que ela está por trás disso? Muito curiosa para saber.

munike guimarães disse...

Esperando ansiosa para o próximos capítulos dessa treta kkk amei!💜💛